Apresentação das Reclamações à Allianz Portugal

  1. Requisitos Mínimos da Apresentação das Reclamações
    • Apresentação por escrito ou por qualquer meio do qual fique registo escrito ou gravado (carta, mail e fax);
    • Nome completo do reclamante e, caso aplicável, da pessoa que o represente;
    • Referência à qualidade do reclamante, designadamente de tomador de seguro, segurado, beneficiário ou terceiro lesado ou de pessoa que o represente;
    • Dados de contacto do reclamante e, se aplicável, da pessoa que o represente;
    • Número de documento de identificação (NIF);
    • Descrição dos factos que motivaram a reclamação, com identificação dos intervenientes e da data em que os factos ocorreram, exceto se for manifestamente impossível;
    • Data e local da reclamação.



  2.  
  3. Ponto de Receção e Resposta da Reclamação

 

Allianz Portugal - Área de Suporte de Operações: Gestão de Reclamações

Rua Andrade Corvo 32 - 1069-014 Lisboa

 

para receção, esclarecimentos e acompanhamento

(+ 351) 213 108 312

 

(+ 351) 213 165 570

 

Allianz Portugal - Área de Suporte de Operações: Gestão de Reclamações

Rua Andrade Corvo 32 - 1069-014 Lisboa

 

para receção, esclarecimentos e acompanhamento

(+ 351) 213 108 312

 

(+ 351) 213 165 570

 

 3. Prazos de Resposta

Para garantir uma gestão uniforme, eficiente e eficaz é fixado o prazo máximo de 10 dias úteis contados a partir da data de receção da reclamação.

Situações em que não será registada a reclamação

A Allianz Portugal reserva-se o direito de não registar a reclamação, informando o reclamante de forma fundamentada, sempre que:

  • Sejam omitidos dados essenciais que inviabilizem a respetiva gestão e que não tenham sido devidamente corrigidos;
  • Se pretenda apresentar uma reclamação relativa a matéria que seja da competência de órgãos arbitrais ou judiciais ou quando a matéria objeto da reclamação já tenha sido resolvida por aquelas instâncias;
  • Estas reiterem reclamações que sejam apresentadas pelo mesmo reclamante em relação à mesma matéria e que já tenham sido objeto de resposta pela entidade a quem são dirigidas;
  • A reclamação não tiver sido apresentada de boa fé ou o respetivo conteúdo for qualificado como vexatório.